Vagina: 5 Dicas para lidar com o suor ao redor da nossa

Geralmente falamos muito sobre a lubrificação da vagina mas pouco se fala sobre o entorno dela. Assim como a axila e o couro cabeludo, a vulva é cheia de folículos capilares e também possui glândulas sudoríparas que secretam umidade para a pele permanecer fresca. Roupas íntimas molhadas, uma sessão intensa de exercícios e até um suor genital em um dia quente são normais, sim, em nossas rotinas mas podem não ser os únicos motivos para você estar suando. Medicamentos, por exemplo, podem levar a esse suor excessivo.

E se estiver extremamente excessivo (entenda: meus lençóis estão acordando ensopados) você pode ter hiperidrose que é uma condição que faz com que você produza suor além do necessário. Independente do nível que a sua vulva produz, separamos algumas dicas para manter a região sequinha.

Comece com a roupa íntima certa

A roupa íntima mais vagina friendly é a feita em algodão. Seda, material sintético e o elástico podem impedir o fluxo de ar e aumentar a transpiração da região. Se você já tem tendência a ter infecções e bactérias, optar por calcinhas feitas 100% em algodão deveria ser sua prioridade. 

Mas se estiver praticando esportes ou fazendo exercícios como cardio, por exemplo, use materiais como poliéster ou náilon que absorvem a umidade. Esses tecidos são feitos para afastar essa umidade do corpo. Tire as roupas molhadas assim que terminar seu treino.

Tenha um Relief & Feel no seu banheiro 

Ter em mãos um óleo que foi desenvolvido para hidratar a região pélvica e a virilha ajuda a reduzir pelos encravados, irritações pós-depilação e foliculite. O Relief & Feel ainda melhora as assaduras que também podem aparecer e sua textura agradável auxilia no alívio de coceiras e irritações causadas por bactérias e fungos.

Depile ou apare os pelos púbicos

Ter muitos pelos pubianos pode fazer você produzir mais suor e, o aumento desses pelos armazenam a umidade gerando cheiros desagradáveis. Sabemos que a depilação do corpo é uma escolha pessoal mas aparar pode diminuir automaticamente os pelos que atraem o suor.

Se necessário, use toalhas de limpeza

Uma maneira mais fácil de se livrar do suor e dos odores gerados na vulva é ter em mãos lenços de limpeza. Se certifique que eles não tenham cheiro, esses ingredientes podem afetar o pH vaginal causando infecções. Na hora do banho, lave com sabonete neutro e não deixe de secar sua virilha. 

Visite o médico quando necessário

Menopausa, diabetes e até transtornos de ansiedade podem ser motivos para causar a sua transpiração. Medicamentos como betabloqueadores e antidepressivos podem induzir um suor excessivo. Se, ao tomar um novo remédio, você notar uma produção maior de suor é possível que a sua prescrição esteja errada. Seja qual for o motivo, se a sua transpiração persistir e incomodar, não fique envergonhada, consulte um dermatologista.

✔️ Produto adicionado com sucesso.